Máquinas e Equipamentos

A indústria nacional de máquinas e equipamentos concentra-se sobretudo no Estado de São Paulo. De acordo com levantamento do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o Estado responde por 57% do valor da transformação industrial (VTI) do setor no País, o que corresponde a cerca de US$ 8,7 bilhões. Segundo a Relação Anual de Informações Sociais do Ministério do Trabalho e Emprego (Rais/MTE), o Estado representa 49% do total de pessoal ocupado (288 mil empregados) nessa indústria no Brasil (2012).

O setor de bens de capital responde pela produção de um complexo conjunto de máquinas e equipamentos utilizados na produção de outros bens, mantendo relação direta com a produção dos demais setores, além de desempenhar papel importante na difusão e na geração de novas tecnologias.

No Estado, o setor de bens de capital concentra-se nas Regiões Metropolitanas de São Paulo e Campinas, com 37% e 10% dos empregos do setor respectivamente (Rais/MTE – 2012). Cabe destacar também sua participação significativa na indústria das regiões de São José dos Campos, Central (principalmente São Carlos, Araraquara e Matão) e Sorocaba.

A atividade de inovação tecnológica, fator primordial para a melhoria da competitividade das empresas brasileiras no plano mundial, conta com instituições e linhas de financiamento voltadas, especificamente, para o setor de bens de capital. Com o intuito de incentivar a pesquisa e a inovação, a Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos (Abimaq) criou o Instituto de Pesquisa e Desenvolvimento Tecnológico da Indústria de Máquinas e Equipamentos (Ipdmaq), que tem como objetivos principais o estímulo a ações empresariais em pesquisa e desenvolvimento tecnológico e a promoção de um ambiente de apoio às empresas em seus esforços na criação de produtos e serviços competitivos.

Gráfico

TabelaQuanto aos programas de financiamentos, a Desenvolve SP – Agência de Desenvolvimento Paulista oferece programa exclusivo: o FIP Simplificado, voltado à aquisição isolada de máquinas e equipamentos novos, privilegiando produtos fabricados em São Paulo.

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) também dispõe de auxílios voltados à inovação tecnológica em geral e linhas específicas para o setor, como o BNDES PSI - Bens de Capital (para produção e aquisição de máquinas e equipamentos novos) e a Capacidade Produtiva - Indústria de Bens de Capital (voltada à implantação, modernização e expansão de indústrias fabricantes de máquinas e equipamentos).

Por que investir no setor de Máquinas e Equipamentos
no Estado de São Paulo?

Clique aqui para baixar arquivo em pdf com mais informações sobre o setor.

Fale Conosco

Nós convidamos você a descobrir por que o Estado de São Paulo é a escolha certa para seu negócio. A Investe São Paulo está sempre pronta para atendê-lo de forma rápida, eficaz e gratuita. Saiba como a Agência Paulista de Promoção de Investimentos pode assessorar seu projeto em Nossos Serviços ou entre em contato pelo Fale Conosco.